Bimby, ou o MacGuyver da cozinha

Sou um Homem. Um homenzarrão. 
Sou uma jóia de moço quando é preciso. Sou um rapaz às direitas. Tem vezes que consigo ser incompetente, profissional, medricas e aventureiro. Com juízo e destravado das ideias. Uso o cabelo grande e rapado. Também sei ser um taberneiro quando é preciso (no Estádio, eles precisam de mim - o sector 7, 8 e 9, os jogadores e o Jesus). Uso boxers justos em vez daqueles largos. Uso barba, não a uso ou até posso andar de bigode. Tenho tudo. Mas também tenho um aspecto menos positivo: não sei cozinhar. 

Queridas Raparigas, Senhoras, Mulheres e Pêgas (tenho muita esperança que alguma me leia): não sou perfeito. É verdade. Mas quero aqui assegurar que vou trabalhar bastante neste aspecto. Por vocês. E direi eu, talvez também por mim...

Bom, dizer que não sei cozinhar é de certa forma redutor. Lembro-me perfeitamente de ainda viver no Estoril (hoje até tenho um pólo da Gant, mas não sou assim tão betinho, calma) e ter preparado um manjar dos Deuses. 
Esganado de fome, pus o avental (daqueles não maçónicos) e enfrentei a cozinha como ninguém. Sussurrei-lhe ao ouvido: "eu não te magoo, tu não me magoas. Porque se me magoas, pego-te fogo de seguida". Feitas as apresentações, tive de pensar no que ia fazer...
Pus um pão sobre a bancada, abri o frigorífico, tirei duas salsichas (e não salchichas) - que mais tarde a minha mamã disse que tinham bolor e eram para o lixo -, juntei mostarda et voilá: só não é o melhor cachorro do mundo porque os bares dentro do Estádio conseguem fazer pior.


E portanto agradeço que me respeitem um pouco.

Posto isto, quero discutir um assunto deveras importante para cozinheiros, com mais ou menos conhecimentos: a Bimby!
Justifica-se o investimento de €1000 neste robô de cozinha que mais parece um MacGuyver, pronto a salvar-nos uma refeição rápida à base só dum canivete suíço e uma pitada de sal? Ganha-se efectivamente tempo? A comida é boa? Ou é só para safar? As bebidas ficam "sim senhor"? Os gelados são bons? E as sopas?


A minha mamã não tem Bimby. Diz que até deve dar jeito, mas que para ela, cozinhar é um gosto, e passar por cima de determinados pormenores, enfim...custa-lhe. E que provavelmente não será possível dar o mesmo cunho pessoal que nos cozinhados tradicionais.

Agora pergunto eu: alguém tem Bimby? E usa regularmente? A vida mudou? Tornaram-se mais atraentes?

Fica a promessa de que, independentemente da possível existência dum robô, vou aprender os mínimos na cozinha. E depois organizamos o 24ª jantar do Simão, Escuta. Comigo na cozinha e O Lendário Fábio Ivanildo no bar (não há melhor que ele para isso, um entendido na matéria, reconhecido internacionalmente).

39 comentários:

  1. Sou como a tua mãe. Aliás, também já abimbalhei sobre esta teoria lá no tasco.
    Para mim cozinhar não é cozinhar se não ficares a cheirar a refogado!
    O maior afrodisíaco :D

    ResponderEliminar
  2. Também estou com a Rosa Cueca, mas tenho o exemplo da minha tia. A bimby é a sua melhor amiga. Usa-a para tudo, mas mesmo tudo. Já provei a comida e é boa. Mas nada como comida caseira, não é a mesma coisa. Os sumos são fantásticos by the way! Mas 1000 chavos para fazer sumos e ser preguiçoso? Naa!

    ResponderEliminar
  3. A Bimby facilita, é um óptimo completo de cozinha, mas cara como tudo. Um dia, quando finalmente conseguir cagar dinheiro em vez de merda, certamente irei investir numa coisa destas.

    ResponderEliminar
  4. Ainda no sábado assisti a uma demonstração da bimby.
    Eu não sou nenhuma gordon ramsay da cozinha (nem ando lá perto), mas safo-me bem.
    Acho que quem tem miúdos pequenos, da jeito, por causa das sopas e das frutas passadas e afins.

    Tenho 1 prima que tem a bicha e é a melhor amiga dela, faz tudo na gaja... E nas festas de anos dos putos dá imenso jeito.

    Enquanto a bimby não lavar a loiça e arrumar a cozinha, não me meto numa.

    ResponderEliminar
  5. E eu a pensar que tinhas feito alguma coisa toda XPTO.
    Afinal foram salsichas no pão.
    Pão esse que se calhar nem foi torrado e as salsichas aquecidas :D

    O avental foi só para a experiência ficar completa certo?

    ResponderEliminar
  6. Aqui no meu castelo, não tenho trono, mas tenho Bimby, e recomendo, também gosto de cozinhar e a Bimby, não retira esse prazer, e o cheiro a refogado mantém-se.

    ResponderEliminar
  7. Bom Almoço!
    Espero que nã tenha sido cozinhado na "BIMBY", nem por uma "BIMBA", mas sim por Álguém que goste de comida de "Mamai". Tá MÔR...
    Boa digestão...........
    A todos os comentadores deste texto o Mtº. Obriga., porque me "apetece", fazer minhas as palavras D'ELES.
    Viva a vida c/ Alegria e Boa Disposição, porque elas "Contagiam".
    JÓK:)INHAS.

    ResponderEliminar
  8. A bimby deve dar jeito de vez quando para conseguir fazer uma refeição mais depressa, mas 1000 euros??? Então se eu a comprar e fizer como fiz com a iogurteira, que passados dois anos (ou mais talvez)da compra, ainda não teve o prazer de ver um iogurte saído dela, já que ainda se encontra dentro da caixa. Penso que só ia deitar dinheiro à rua!

    ResponderEliminar
  9. Eu acho que é um bom investimento para quem de facto pode pagar.
    E aqueles que cozinham mesmo bem conseguem sempre adaptar os cozinhados da bimby para darem o seu toque, porque se for pra seguir as receitas à risca algumas sopas, por exemplo, ficam demasiado pesadas com a quantidade de natas que diz na receita para por.
    POC se algum dia tivesses que passar fome por não saberes cozinhar talvez te dedicasses a fazer mais que um simples cachorro. =)

    ResponderEliminar
  10. irmã do simão escuta24 de fevereiro de 2012 às 12:56

    cláudia, confirma-se: o pão não foi aquecido e salsichas sairam directas do frigorífico para o pão. foi à master chef!

    ResponderEliminar
  11. @Rosa Cueca, é uma boa teoria. Quanto a ser afrodisíaco, se ficares a cheirar a bitoque, sim.

    @Ca, "nada como comida caseira" pode ser a frase chave.

    @Gasper, dalguma forma simpatizo com essa ideia. Se fosse mais barata, tornava-se um fenómeno.

    @Cláudia, deste bons exemplos. Realmente em festas deve dar jeito. Para miúdos, também.
    De qualquer forma, e pensando nas limpezas, também existem os super aspiradores. Mas deixamos isso para outro post. Ou não.
    Ou se cozinha a sério ou mais vale estar quieto. Com isto quero dizer que nada foi aquecido, foi tirar do frigorífico e juntar ao pão, também ele frio.
    O avental faz parte dum grande chef.

    @Rainha ST, mau, mas agora chego a este comentário e afinal deve-se comprar a Bimby? Já estou baralhado :)

    @Anónimo, não sei onde vou almoçar, mas não acredito que vá ser algo cozinhado com amor. Isto dá outro post.

    @anokas tokas, sinto alguma afinidade contigo. Tenho uma máquina para fazer exercícios ainda dentro da caixa.

    @RS, um simples cachorro?! Como ousas?! :)

    ResponderEliminar
  12. @irmã do simão escuta, julgo que disseste tudo: foi à masterchef! *

    ResponderEliminar
  13. Irmã do Simão, alguma vez ele se ofereceu para te fazer o almoço/jantar?

    ResponderEliminar
  14. irmã do simão escuta24 de fevereiro de 2012 às 16:56

    cláudia, não, de facto, isso nunca aconteceu, o que até é bom, tendo em conta a elevada qualidade dos "cozinhados" do meu irmão. :P

    ResponderEliminar
  15. Man, de homem para gajo digo-te, se tiveres na disposição de dar 1000 biscas DÁ.

    Tempo é dinheiro;-)

    ResponderEliminar
  16. @Here Comes The Rain, tempo é dinheiro. E vice-versa. E robô para limpar o chão, também? :)

    ResponderEliminar
  17. Não te limpa o chão, mas enquanto TU limpas o chão a Bimby faz-te o jantar.

    ResponderEliminar
  18. @Here Comes The Rain, certo, estava era a perguntar pelos outros robôs da moda (Roomba, acho), os que fazem limpeza. Perceber se valem a pena :)

    ResponderEliminar
  19. Bem o pormenor das salsichas terem bolor matou comigo. Nem deste conta? Esquece a bimby. Tal como a tua mãe e outras opiniões, eu gosto cozinhar, com a devida calma e dedicação :)

    ResponderEliminar
  20. Irmã do Simão, realmente tendo em conta a qualidade do cachorro, ainda bem que ele nunca se ofereceu para aquecer uma refeição, muito menos fazer uma.
    :D

    Não convém arriscar :)

    ResponderEliminar
  21. Lol. Epá, esse não tenho conhecimento de causa, mas tens sempre a opção de devolver dentro de 15 dias.

    ResponderEliminar
  22. Realmente ter uma Bimby deve dar jeito p quem tem filhos. Tenho amigas que têm e adoram. Ainda nao me aventurei e como ainda não encontrei a arvore das patacas duvido comprar a bicha cozinheira. Mas talvez entretanto haja a Bimbona, a que vai as compras, descasca alimentos, faz a comida e serve a comida e para além de ter serviço de auto limpeza... ainda limpa a cozinha... ai sim... acho que dou oa 1000 euros!!
    Até lá tenho todo o prazer em cozinhar... nada como ficar com as maos a cheirar a alho e cebola!

    ResponderEliminar
  23. Boa para sopas, sumos e alguns bolos: nada que se compare a um belo cachorro! :)
    Ps- para seres perfeito tinhas que mudar de clube!
    Boa semana

    ResponderEliminar
  24. @Marilyn, existem tantas qualidades de salsichas que umas com manchas esquisitas no seu corpo delgado não me parecem assim tão estranhas.

    @Anónimo 22:37, acredito que para quem tem filhos, seja ainda mais uma...mais valia. De resto, se arranjar o contacto dessa Bimbona, partilhe-o pf!

    @Abre-letras, nada se compara ao meu cachorro, e só me posso orgulhar que partilhes dessa opinião. Em relação a mudar de clube, falas do clube dos solteiros/casados? Ainda falta.

    ResponderEliminar
  25. Pa sim, acho que vale mais a pena para quem tem de cozinhar para um exercito, para um casal acho 1000€ muito para o que e.
    E depois ha coisas que a bimbi nao faz, e que temos de preparar primeiro antes de atirar la pra dentro.
    e tou como a Rosa Cueca, eu gosto imenso do cheiro a refugado e do cheiro em geral a comida caseira boa, apesar de nao ter paciencia para pratos q impliquem sujar mtos taxos a perder mto tempo na cozinha,
    se quiser um prato mais complicado:
    a) vou comer a casa dos pais
    b) vou ao restaurante

    ResponderEliminar
  26. @Liliana Costa, e quando daqui a uns anos os teus filhos quiserem um prato mais complicado? :)

    ResponderEliminar
  27. vao ao restaurante. Mas agora a serio, tb nao tenho paciencia para fazer um prato complicado so para 2, de vez em kdo pode ser. Quando e so pra mim e a base de saladas, se for para mais pessoas e diferente.
    Mas uma coisa e verdade, acho que algumas tradicoes culinarias arriscam-se a perder com a nossa geracao. Por exemplo pratos que a minha avo faz, que mais ng os sabe fazer, especialmente doces.

    ResponderEliminar
  28. @Liliana Costa, bem pensado. Daqui por 30/40 anos, muito se terá perdido. Só espero que não se perca o bitoque.

    ResponderEliminar
  29. Eu não tenho Bimby, nem tenciono adquirir uma para já.
    Mas do que oiço de quem a tem, e do que percebo que ela faz, okay, há coisas em que simplifica muitas tarefas, mas noutras penso que é simplesmente uma "prometedora de milagres"...
    Conheci um caso, em que até para fazer um simples esparguete, que "tradicionalmente", na panela, é fácil de fazer..., usava a bimby. Mas não gostando de cozinhar, tem graça, que não era por isso que cozinhava mais (a minha pessoa pergunta-se porque a comprou...).

    Outras coisas há, que não me parecem "cozinháveis" na dita cuja maquineta.

    Está certo, esta moça não tem a bimby, não pode falar mais que isto, mas não me parece algo essencial...

    ResponderEliminar
  30. Poc,também tenho defeito.Não sei e detesto cozinhar.Sempre que tentava,dava em m****.Por isso,resolvi comprar a bendita Bimby.Faço 99% da comida,na maravihosa amiga do coração.Neste momento,está a trabalhar,e eu aqui a teclar.Ah, e sai sempre bem.As sopas são óptimas.Só faço para a minha pipoca na bimby.Para mim foi um bom investimento,mas como já disse,eu tenho defeito;).

    ResponderEliminar
  31. só para avisar que a comida da bimba parece a comida do restaurante manhoso onde o almoço é a 7,00 e a comida é rasca.
    para comer, mais vale bimbas do que bimba ...
    fosmix, homem que é homem, safa-se sempre ... Se não sabes mesmo nada, compra umas latas de feijoada, chispalhada e aquece-se em banho maria e já está, uma feijoada à lá minuta e nem precisas da bimba

    ResponderEliminar
  32. Algo a propósito: http://obomsacana.blogspot.com/2012/02/nao-se-arranja-por-ai-um-clip.html

    ResponderEliminar
  33. @Não têm nada a ver com o meu nome!, bem-vinda. Essencial nunca será. Pode é ser um facilitador. Mas comprá-la para não dar grande uso...thanks, but no thanks!
    É possível que tenha o "nome" mais comprido que aqui aparece. Parabéns.

    @Mamã de Salto Alto, não tens defeito, tens uma característica. No teu caso, "viva à Bimby!".
    E parabéns pela pequena Pipoca :)

    @Bcool973, de repente a vida faz sentido novamente. Com essa descrição de verdadeiro manjar dos Deuses, a Bimby ficou para trás ;)

    @Anónimo, a propósito mesmo. Nem o MacGuyver se safa sem o clip.

    ResponderEliminar
  34. Então é assim. A Bimby é um bom investimento. Ajuda, e podes criar coisas fantásticas. Se é cara ? É, mas n choro esse dinheiro... e essa treta da comida n sair igual ou n saber ao mesmo...esquece... sabe ao que puseres lá dentro, não fazes carne q te fique a saber, por exemplo a atum....mas enfim. Por mim está aprovada e cozinha de maneira mais saudável.
    Força Aí!

    ResponderEliminar
  35. @Mãe Babada, a coisa começa a equilibrar. Acho que vou comprar meia Bimby e depois vejo o que faço.

    ResponderEliminar
  36. Bem os meus amigos que compraram a bimby (e digo amigos porque um é rapaz) usaram no inicio e depois arrependeram-se. Porque a ideia da bimby é que ela cozinha por nos, mas se temos que ler livros de instruçoes , ler livros e revistas com receitas (sim pq a Bimby tem receitas proprias, nao sao iguais as outras) para podermos fazer um prato, mais vale a pena aprender a por tudo na panela normal.
    Para alem disso a Bimby é boa para fazer pratos com textura de sopa ou pápa. Mas a malta quer comer alimentos solidos de vez em quando , nao?
    Mas nao desfazendo na totalidade, o leite creme da Bimby é maravilhosos (mas repara na textura!!!)

    ResponderEliminar
  37. @Anónimo, pronto, agora já estou dividido novamente ;) A ideia de ter que se "perder" tempo a ler livros, instruções e receitas também pode ser aplicado a aprender a cozinhar. Acho que o ideal é ter o melhor dos dois mundos.

    ResponderEliminar
  38. Volto a insistir, isso de que a Bimby só faz isto e aquilo e só vendo nos livros e tal n é verdade, ainda ontem fiz um mega arroz de tambotil e gambas do outro mundo. o tamboril e as gambas cozidas a vapor e depois incorporadas no arroz ...uiii maravilha!fiz e n andei a ler receitas, pq depois de um certo tempo acho que consegues perceber como aquilo funciona, ou serei sobredotada?!?

    ResponderEliminar
  39. @Mãe Babada, sobredotada ou não, depois dessa descrição, no mínimo devia oferecer-me um prato desse arroz de tamboril.

    ResponderEliminar