Dia Mundial da Loucura

Pois é. Hoje é o Dia Mundial da Loucura. Inventei agora. E porquê? Porque é dia 29 de Fevereiro. Aquele dia que nunca acontece. Ou quase.

Se alguém tiver alguma loucura para cometer, que a faça hoje. Ainda têm umas horas.
O Simão, Escuta, dá total liberdade para isso. Desde que a loucura seja não fazer falecer alguém.

Portanto caros leitores (Anónimo, tu também pah, dá cá um abraço), se sentem um fraquinho por alguém, hoje é o dia. Do outro lado não podem sequer recusar (está nos livros). Porque não vai contar.
Ou melhor, só conta daqui a 4 anos, mas aí o crime já prescreveu.

Cambada de pervertidos!
E por falar em beijinhos na boca (ahn, quem?!), vou contar-vos uma história engraçada que ocorreu na Escócia, a respeito dos anos bissextos e seus mitos e tradições.

Tradição? Comigo era assim. Vota Simão, Escuta!
Antigamente, apenas os homens podiam pedir uma mulher em casamento. Pois bem, no século XIII, cheias de amor pelos seus mais-que-tudo, mas também cheias de raiva pela discriminação social que as impedia de pedir a mão dos homens, as mulheres conseguiram furar a tradição. Parcialmente.

Foi-lhes então dada permissão para pedirem um homem em casamento. Mas apenas em anos bissextos! Ou seja, dia 29 de Fevereiro era o dia do mulherio enlouquecido sair à rua para pedir, não só mãos, mas também pénis em casamento.

A saída louca do mulherio a 29 de Fevereiro (Séc. XIII)
Mas, e há sempre um mas, se o escolhido não concordasse em casar-se, era obrigado a pagar uma multa!
Quer dizer, aparece-me uma Jennifer Lopez a implorar para me casar com ela...e se eu não quisesse, ainda tinha que pagar multa?! Não há direito...

E é por esta mescla de sentimentos entre o amor e o ódio que hoje descobri donde vem esta bela expressão, "a linha que separa o amor do ódio, é uma linha muito ténue". Ou algo parecido.
Os escoceses são os responsáveis por terem enlouquecido as mulheres! E agora temos que pagar por isso! Ora nos amam, ora nos odeiam! E conseguem fazê-lo ao mesmo tempo!

Vai soprar à prima pah, estragaste tudo!
Escocês, se me estás a ouvir, lixaste isto tudo pah!


Nota da Gerência: o tema de hoje, bem como a história da Wikipédia, são sugestões duma especial leitora, a qual se mantém no anonimato. E não vou confirmar nem desmentir que se trata da Odete Santos.

15 comentários:

  1. 50.000 visitas. Este POC soma e segue. Tu agora pões-te a incentivar o mulherio a pedir o homem em casamento e depois ainda dá mer**. Lanço-te o desafio para partilharem qual foi a loucura que cada um fez hoje e quantas propostas de casamento. Já agora, estou curiosa. E mais... quantas te pediram em casamento :)

    ResponderEliminar
  2. As mulheres são multifacetadas, por isso é que os homens (a maior parte) gosta delas! Quanto à tradição vê-se que desde tempos remotos as mulheres gostam de inovar e quebrar as regras, somos as maiores pah!

    E já agora façam muitas loucuras porque é só de 4 em 4 anos:)

    ResponderEliminar
  3. Eu não recebi nenhum pedido de casamento, graças a deus, o mais provável era dizer que não!

    E hoje ainda não cometi nenhuma loucura, mas o dia ainda não acabou!

    Também não tenciono pedir ninguém em casamento, mas quem sabe?

    E qual foi a tua loucura POC?

    ResponderEliminar
  4. Já que falamos de loucuras, uma última noite de sexo escaldante com om eu ex. cof cof cof... só espero que ele não espreite este blog.
    Pronto já disse, essa seria a minha loucura para o dia de hoje.

    Abraço e boas loucuras POC :$

    ResponderEliminar
  5. Muita gente a cometer loucuras hoje, portanto vou preferir cometer as minhas durante o resto do ano, aproveito o 'efeito surpresa' :)

    ResponderEliminar
  6. Depois de ver as gajas já não me consegui concentrar num comentário inteligente (minimamente, vá).
    Deve ser isto o que é ser gajo.

    ResponderEliminar
  7. Não resisti, e voltei ao tasco para ler outra vez!

    ResponderEliminar
  8. SEgundo a wikipédia "...A loucura ou insânia é segundo a psicologia uma condição da mente humana caracterizada por pensamentos considerados "anormais" pela sociedade. É resultado de doença mental, quando não é classificada como a própria doença. A verdadeira constatação da insanidade mental de um indivíduo só pode ser feita por especialistas em psicopatologia.
    Algumas visões sobre loucura defendem que o sujeito não está doente da mente, mas pode simplesmente ser uma maneira diferente de ser julgado pela sociedade..."
    Portanto lá está... as mulheres pedirem em casamento os homens só mesmo neste dia, porque realmente só 1 dia de 4 em 4 anos é que nos dá uma "sulipampa", ficamos atonitas e completamente burras e loucas porque queremos partilhar a nossa vida, na saude e na doença até que a morte nos separe, com um ser completamente egoísta que não sabe cozinhar e nem tão pouco é romantico, nao nos massaja os pés e ainda coça o saco quando vê TV??? Servem somente um proposito, a multiplicação da especie humana... tirando isso bahhhh.

    Em nome de alguns anónimos agradeço a especial atenção...

    Bem haja!

    ResponderEliminar
  9. Olá boa noite!
    Valha-me a Santa "piscenina"!
    Loucura é trabalhar + 1 dia nos anos bixestos.
    Loucura, hoje, foi ficar + de 1 hora na cadeira do dentista para tratar um dente e ainda ter que voltar lá + 1 vez.
    Loucura é uma mulher, só porque era aristocrata, instituir este dia, de pedido de casamento,de carácter quase irrecusável, aos homens (iniciou na Irlanda).
    Loucura é eu ainda nã ter tido oportunidade de visitar os
    recantos e míticos castelos (nã sou fâ de Wisky)da Escócia.
    Loucura é ver o "ar sexy" do Duque de Edimburgo vestido com o trage típico.
    Loucura é, nos dias de hoje, mulheres ou homens formularem pedidos de casamento.
    Loucura é eu não me divertir e curtir e cultivar, aqui, neste blogue....
    Bem hajam!
    Beij.K:).

    ResponderEliminar
  10. Fez a coisa mal feita e agora anda com elas todas à perna!

    ResponderEliminar
  11. @Marilyn, 50k é pouco, porque somos poucos. Mas bons!
    Quantas me pediram em casamento? Parece que...espreitar já abaixo :p

    @Cláudia, o Simão diz que sim. Mas tem de ser na data do pedido. Ah...que pena, foi mesmo uma questão de timing.

    @anokas tokas, eu consigo ver um jogo e utilizar vernáculo ao mesmo tempo. Isto não é multitasking?!

    @Ca, e então, aconteceu alguma coisa? A minha loucura foi ficar a descansar...

    @Sairaf, isso está mal resolvido! E então, tiveste sorte? :)

    @Elsa, bem pensado...

    @Rosa Cueca, não. Gajo que é gajo continuava a ler na esperança que aparecessem mais gajas.

    @Anónimo 23:41, isso quer dizer que houve vontade de fazer uma loucura?

    @Anónimo 23:42, estou cá para defender todos os anónimos, por isso não precisa agradecer.
    Quanto ao facto dos homens serem egoístas, não saberem cozinhar, não serem românticos, não massajarem os pés da amada e ainda coçarem o saco...bom, bateu na porta errada! ;)

    @isaurida, obrigado! Acho...

    @Vladimir Kaspov, os sacanas dos homens são uns bananas que não querem escrever!!

    @Anónimo 17:20, oi? Este tasco é baixo nível, mas não é local para se ter mulheres à perna. Não aqui na frente do balcão. Tenho ali a mesa 24 que tem toalhetes para qualquer eventualidade. O cliente é que manda.

    ResponderEliminar
  12. Sim, houve vontade, mas não foi concretizada! Agora vou ter que esperar mais 4 anos...

    ResponderEliminar
  13. @Anónimo 12:33, mas com o relógio certo, pode parecer que está já em 2016, não deixe de concretizar os seus desejos.

    ResponderEliminar