Em defesa dos gatos (e das Gatas)


Como alguns sabem (os que visitam o tasco há mais de 3-15 dias), não tenho Facebook. Esse factor faz com que perca importantes novidades do que realmente se passa no mundo. Porque as notícias da RTP, SIC, Diário de Notícias, Expresso, Lusa e etc. não são suficientes.
Cheguei a esta conclusão depois de perceber que há dias, andou meio mundo a falar dos gatos que andavam no Facebook. E eu sem perceber nada. Não sei qual foi o tema ou a problemática. Apenas sei que muita gente detesta gatos, porque eles “assim e assado”, porque “não são de confiança e tal”.
As coisas não são assim. Os gatos também podem ser grandes companhias. Não são tão amados porque só fazem o que querem, quando querem. E as pessoas normalmente querem alguém que lhes obedeça a 100%, em qualquer altura.

Pessoalmente, não me importo de ter alguém que goste de mim mas não me bajule o tempo todo. E gosto de cães! Mas gosto muito de gatas e estou aqui para defendê-las dalguma coisa, mesmo que não saiba qual seja o ataque:


13 comentários:

  1. Eu tenho fb, não sei de que polémica se trata e tenho duas gatas e um gato (aquele que te quis dar e tu não quiseste).

    ResponderEliminar
  2. Toda a mulher gosta do tipo "meio durão mas que se derrete com um gato fofinho".
    Se gostarem de gatos logo à partida, a malta desconfia que possa haver ali um factor G em potência. Se forem uns cat haters assumidos, perdem pontos também.

    ResponderEliminar
  3. @Uma Rapariga Simples, eu quero, mas prefiro tirar um da morte certa.

    @Rosa Cueca, aqui ninguém duvida da macheza do Autor. Aliás, posso até adiantar que um dia, disse uma asneira. Por isso acho que estamos conversados. E gosto de cães e gatos. Mas acho que os gatos têm imensa sobre os cães, no aspecto de viverem numa casa. E por muito que se tente passar uma imagem má deles, não é bem assim...

    ResponderEliminar
  4. E para onde achas que iam duas ninhadas de gatos, nove no total? Vá lá, conseguimos dá-los todos, menos aquele, que ficou logo de parte para nós. ;)

    ResponderEliminar
  5. @Uma Rapariga Simples, se nove nasceram, nove devem viver.

    ResponderEliminar
  6. "Ena pah, granda gaja...eu quero é uma gata destas!!!"

    Está a faltar o comentário mais relevante para este post.

    ResponderEliminar
  7. Que lindo... gato.
    FilipeLx

    ResponderEliminar
  8. O que é isto pá??

    Entram-me em casa, violam a minha privacidade.

    Ninguém tinha necessidade de saber que tenho aquela colecção de livros.

    Tásfixeójoão

    ResponderEliminar
  9. Caro POC, concordo em pleno com a resposta que deu à "Uma Rapariga Simples"

    Se não querem matar as ninhadas (não há desculpa para o fazerem. NÃO HÁ) é bom que pensem em esterilizar as gatas. Quem acha que isso é uma atrocidade, pense bem nos milhares de gatinhos que nascem e são mortos porque "estão a mais". Isso é atroz. Controlar a população é um ato de misericórdia.
    Fiquem descansados que não exterminam a espécie.


    De alguém que ama a vida

    ResponderEliminar
  10. Oh santo Anónimo, aquilo tinha um sentido implícito que obviamente lhe escapou.

    Tanto não gosto de matar animais que não o fiz, mesmo correndo o risco de poder ficar com onze gatos em casa. Encontrei-lhes boas casas e sei que os bichinhos estão bem entregues.

    As gatas não foram ainda esterilizadas porque convém que tenham uma ninhada antes e foi um percalço, já que lhes dou a pílula.

    Podia ter dialogado comigo directamente, sabe, aqui não somos bichos.

    ResponderEliminar
  11. Ter ou não ter nome é irrelevante. O sentido que me escapou, parece que não escapou só a mim, mas não importa.

    O que importa é que ainda bem que não assassinou ninguém e que foram bem entregues.

    Quanto à primeira ninhada, não discuto essa opinião, e não posso dizer nem que é bom, nem que é mau. Apenas sei que há veterinários que esterilizam as gatas logo aos 6 meses, outros depois do primeiro cio, outros ainda antes do primeiro cio, outros depois da primeira ninhada...

    De qualquer maneira, ficou aqui a minha mensagem para aqueles que ou não gostam dos gatos, ou não sabem o que fazer com eles, pois infelizmente conheço muita gente que não se importa de matar bebés para não ter trabalhos com as gatas. Conheço "bichos" a mais ;)

    ResponderEliminar
  12. Os gatos são um espírito livre, e é isto que eu adoro neles :)

    http://9gag.com/gag/6416736

    ResponderEliminar
  13. A Uma Rapariga Simples gosta de animais, portanto aquelas questões não se colocam.

    @RS, em cheio, é muito bom! "Fuck you".

    ResponderEliminar