Leitoras (e vá, leitores)

Ainda não é desta que falarei sobre a minha prolongada ausência. Mas é desta que digo que senti a vossa falta. E neste caso estou a falar das miúdas todas, mais novas ou mais maduras, mais altas ou mais baixas, mais magras ou mais roliças...enfim, de todas as que seguem aquele que ainda é, o pior tasco da blogosfera. Quanto aos homens, epá, venham de lá esses ossos!

Obrigado a todos os que deixaram mensagens aqui, no Facenice e no e-mail. Fizeram diferença.


Até breve,

O Autor

12 comentários:

  1. Olha, tu querias era mimo e estavas com deficit de atenção e arranjaste uma bela estratégia que resultou :P

    Admirável a tua capacidade de resistires à tentação de regressar logo no dia seguinte :P

    (Por acaso, tb acho que fizeste falta. :)

    ResponderEliminar
  2. Eu não senti a tua falta. Senti foi a falta das miúdas que trazes ao tasco.

    És apenas um meio para atingir um objectivo.

    :P

    ResponderEliminar
  3. Não gosto quando dizes "até breve". Fico com suores frios (e já me certifiquei de que não tenho as mamas dentro de uma taça de gelado...)

    ResponderEliminar
  4. Quer dizer foi todo um período de tempo sem notícias em 2ª mão! Não se pode repetir!!!

    ResponderEliminar
  5. Porra até que enfim!! Andaste a dançar o tango ou quê?

    ResponderEliminar
  6. a tua falta também foi sentida, pá!

    ResponderEliminar
  7. ai o catano... queres porrada, é?

    ResponderEliminar
  8. ditto !!!

    e começa lá o relato pá, já chega de suspense...

    ResponderEliminar