Estudo científico: o "macaco" do nariz

Um pouco de ciência, cultura e saúde para o leitor.

Como é que eu hei-de abordar esta questão sem dar nojo ao leitor? Pois que não sei. Então é assim... Comer macacos, gorilas, burriés, nhanha e etc. que provém do nariz, é saudável. É isso meus amigos.

“ah, estou meio constipado, o que é que posso tomar” – mete o dedo no nariz e puxa um macaco;
“estou com prisão de ventre, devo tomar um Imodium?” - mete o dedo no nariz e puxa um macaco;
“olá, o meu nome é Anónimo e envolvi-me numa cena sexual a três com o Roberto e o seu ursinho de peluche, acha que estou com sífilis?” – mete o dedo no…ó Anónimo, diz mas é ao urso para ir fazer análises.

É mais ou menos isto que Scott Napper, investigador canadiano diz.
Parece que o muco ranhoso do nariz protege o corpo dos inúmeros germes, impedindo-os de entrarem no forte. A questão é que se comermos os germes, ganhamos anticorpos. É bonito. Mais informação aqui.

É que nem em puto eu fiz isto. Tenho dito.


6 comentários:

  1. Digo-te eu, que não percebo nada disto: se estiveres com prisão de ventre e tomares um imodium, és capaz de nunca mais cagar até ao fim dos teus dias...

    ResponderEliminar

  2. Poc esta é para ti:


    DONA TEREZA - 28 FILHOS



    DONA TEREZA ERA MUITO RELIGIOSA E CUMPRIA OS MANDAMENTOS DE DEUS.

    Casou-se e teve 11 filhos.
    Depois o marido morreu.
    Passado pouco tempo, voltou a casar.
    Teve mais 17 filhos.
    Depois o segundo marido morre.
    Cinco semanas mais tarde, Dona Tereza também morre.
    No funeral o padre, olhando a defunta no caixão, comenta:
    - Ah ! Finalmente juntos !
    Uma velhota que se encontrava perto perguntou:_
    - Desculpe padre... mas quando o senhor diz "finalmente juntos", refere-se a defunta e o seu primeiro marido, ou a defunta e o seu segundo marido ?
    E o padre, muito contrito:

    - Refiro-me aos joelhos de Dona Tereza...J



    Quim

    ResponderEliminar
  3. E cera nos ouvidos?! Eu vi uma altura na tv um gajo qualquer que guardava a cera dos ouvidos para passar nos móveis. Juro que vi. Também é nojento.

    ResponderEliminar
  4. eheheh fartei-me de comer quando era miúda e estou aqui saudável, acho eu.
    e pôr o pão com manteiga em cima de um formigueiro para agarrar bem as formigas e comer em seguida. não há infância feliz sem tudo isto e ainda comer plasticina com areia do recreio da escola.

    ResponderEliminar