No cinema com...Luís de Matos

Ontem à noite fui ao cinema, um daqueles antigos, com bar de apoio. 
Quem estava na minha fila da sala de cinema era o Luís de Matos, famoso mágico. Nisto, um tipo atrás dele começou a conversar, a dizer-lhe que era um grande fã e que desejava ver um daqueles truques rápidos. De forma simpática e educada, Luís de Matos respondeu que iria fazer um espectáculo em breve e que seria o local ideal para ver um truque. Mas o homem insistiu de tal maneira (um palerma mesmo) que o mágico aceitou o desafio para ver se aquilo ali terminava. Eu continuei a assistir à conversa entre os dois.

Luís de Matos pediu uma nota ao homem (era de € 5) e à frente dele, fê-la desaparecer. Realmente foi impressionante, mas nada de especial...deve ser um truque simples. Mal isto acontece, as luzes baixam e começam as apresentações, tendo Luís de Matos dito que, quando ele menos esperasse, iria ter a nota de volta.

Vi o filme e tal, que para a história não interessa nada. 
No fim, no bar do cinema, o tal chato palerma que queria tanto o truque de magia, pede uma tosta mista. Não vão acreditar... O que é que estava dentro da tosta? Exacto, fiambre e queijo.

4 comentários:

  1. hehehehe.. e eu a pensar que saía de lá ( da tosta mista) a nota de 5euros. Em tempos fui ver um espectáculo do Luís de Matos ao casino e fiquei impressionada com um único truque dele... desenhou uma bola de bowling num bloco de papel, sacudiu as folhas e caiu no palco uma bola de bowling enorme e extremamente pesada... donde aquilo saiu não sei, mas intriga que se farta.

    Beijinho e continuação de boas férias boy.

    ResponderEliminar
  2. Fixe fixe era o Luís de Matos ter pedido uma nota de 20 e ela nunca aparecer de volta. Magia da boa! :)

    ResponderEliminar
  3. Ó Palhaço, andas a roubar piadas?! Ao menos pedias permissão :) Abraço

    ResponderEliminar