Contracção da Preposição

Resisti durante bastante tempo, mas hoje é o dia em que vou deixar a contracção da preposição. 
Aprendi na escola que "de uma" pode perfeitamente passar a "duma". Sei que está certo. A Professora Natália nunca me deixou ficar mal.

Os eruditos dizem "duma", ma escrevem "de uma". E eu sou erudito. Pelo menos entre as pernas. E portanto, de agora em diante, vou passar a escrever sem a contracção da preposição. "Soa" melhor no papel.

Notícias Rápidas da Luz


O Simão Escuta está em condições de avançar o nome do pássaro. Após contacto via satélite com Luís Filipe Vieira, foi o próprio quem avançou o nome do pássaro responsável pelo incidente: Vale e Azevedo.

Já em Lisboa, notícias por confirmar apontam para o embate doutro pássaro, neste caso na cabeça de Jorge Jesus. O treinador benfiquista apresenta-se em estado estável, no entanto já veio dizer que o Benfica fez uma boa Liga dos Campeões este ano. Os próximos exames serão decisivos.


Piada Farsola #62 - Maior pénis da história é encontrado em defunto

Um funcionário da agência funerária está trabalhando à noite, para examinar corpos antes destes serem sepultados ou cremados.
Examina um corpo, identificado como José Chagas, que está pronto para ser cremado, e descobre que o defunto tem o maior pénis que ele já viu na vida.

- "Desculpe, Sr. Chagas", pensa o funcionário. "Mas não posso mandá-lo para o crematório com essa coisa enorme. Ela tem que ser conservada para a posteridade!"

Com um bisturi, remove o pénis do morto, guarda-o num frasco e vai para casa. A primeira pessoa a quem ele mostra a monstruosidade é à sua mulher.
- "Tenho algo inacreditável para te mostrar, querida. Nem vais acreditar!"

Depois, abre o frasco e... ao ver o conteúdo, a sua mulher grita, estarrecida:
- "Oh, meu Deus!!!!! O Chagas morreu?!?!?"

O pesadelo de Natal da Catarina

Épico. E este vídeo é nosso, português.


E já agora, que tenha sido um bom Natal para benfiquistas e vieiristas.

Jingle com Mamas Bells

Não há outra forma de dizê-lo. Bom Natal malta.

Depois do Natal, encontramo-nos aqui?

Agora que já leram todos os votos de Bom Natal e cenas que vos deram nos blogues, Facebook, mensagens e etc., já posso vir aqui com a tradicional mensagem para um Natal em consonância com os leitores e leitoras deste antro.
Desta forma, é com algum tremor na voz e nas mãos que vos trago o mais bonito postal natalício de sempre. Reparem bem na rua, no letreiro... É muito especial.


Bar da Tina, alguém?

Podem fazer o vosso postal aqui. Pode não parecer, mas o postal na verdade até tem neve a cair (viram ali os flocos?). O que dá todo um ar nórdico a qualquer cidade algarvia.
Preencham com "Nº-Rua-Localidade-Portugal". Podem substituir a rua do Bar da Tina pela do Passerelle ou do Champanhe ou a do Estádio da Luz ou...a vossa rua.

Bom Natal, pá! 
"Que para o ano estejamos todos aqui."
"Saúdinha."
"Tudo de bom."
"Muito Benfica para todos."
"[inserir o que quiserem]"

Piada Farsola #61 - Presente de Natal para a mulher


Um tipo entra numa loja de lingerie sexy, dirige-se à empregada e diz:
- Desejo comprar um presente para a minha mulher.
Informa a empregada:
- Tenho um conjunto de soutien e cuequinha do tipo fio dental. Quer que lhe mostre?
Responde ele:
- Claro que sim. Mas, primeiro vamos tratar do presente para a minha mulher.


Estamos a aceitar doações

Parece que o Natal traz o que há de melhor em cada um de nós. Só é pena que não me traga um pé novo para deixar de coxear. Adiante. 

Enquanto jogava golfe, um americano soube que tinha ganho 40 milhões de dólares na lotaria. Quando foi obrigado a reclamar o prémio, entregou-o à caridade. Fico obviamente feliz com o gesto. Primeiro a caridade, sob todos os pontos de vista que ela abarca. Depois, quando estiver tudo resolvido, espero que se comecem a lembrar de fazer doações ao serviço público. Uma palavra que, hoje em dia, se confunde com a do próprio Autor.

O Natal também é isto

Na rubrica "notícia esquentada", apresentamos mais uma ideia de Natal para os políticos portugueses: assinar contratos onde as secretárias tenham de fazer atenção ao seu superior.

Julgo que é um mercado por explorar e que talvez tenha pernas para malhar andar. 



Pela amostra, o vereador viu um bom par de argumentos laborais e não pensou duas vezes.

Já eu, quando tiver a minha empresa (talvez aquela que ia abrir e que serve para fechar empresas, visto ter bastante saída actualmente), escolho também com bastante critério, mas a cláusula especial irá reflectir as coisas como elas são: a colaboradora é que terá direito a fazer 3 atenções diárias ao Autor. 
Isto no sentido de lhe dar as melhores condições de trabalho possíveis e proporcionar-lhe um ambiente saudável, descontraído e feliz.

Aproveito para anunciar a abertura da fase de Selecção e Recrutamento.

"Oferecer férias aos jogadores? Primeiro ganhem o Mundial"

Ainda há Homens. Ou então o negócio está mau e o empresário optou pela saída (airosa) que lhe permite economizar as estadias gratuitas ao Ruben Micael, Josué, Miguel Veloso e companhia.


Aqui também deixamos conselhos de Natal

Tenho ideia que às vezes podem achar-me algo superficial e sem dar importância ao que realmente importa. Por isso, imbuído de espírito natalício, e num gesto de ternura para com as leitoras, deixo aqui uma ideia de presente de Natal para darem ao vosso marido, namorado, homem a quem mostram o pipi ou até mesmo um amigo (que um dia também vos irá querer fazer). 

Se mais delongas, ofereçam uma destas:

A Playstation 4 é opcional

Novo Reality Show prestes a rebentar

E quando rebentar, vai dar cócó.

Consta que vai começar a nova Casa dos Segredos - Versão Futebol Português.

Não quero descortinar tudo aqui, vou só adiantar alguns dos concorrentes: Gabriel Alves, André Villas-Boas, João Vieira Pinto, Paulinho Santos, Ruben Micael, Rui Patrício e companhia. 
A acção decorrerá na casa mais famosa do País: Calor da Noite.

Destaco ainda um dos segredos:









4.4) Licá (concorrente feminino)
O Segredo: deixei de tomar a pílula para ver se engravido do Pinto da Costa. Este vai ser daqueles para o Gabriel Alves espremer no confessionário. 

Todo o detalhe da Casa dos Segredos aqui, responsabilidade do amigo Ai Vale Bujas.


Let the games begin!

Piada Farsola #60 - Quando murcha

Um amigo apanha outro no WC a urinar sentado na sanita, e admirado diz:
- Mas o que é isto, os homens mijam de pé! O que te aconteceu?!

Explica o homem:
- Olha, na 2ª feira passada saí com uma loira, 1,80 m, seios fartos, um corpo inacreditável, e na “hora H” murchei! Na 3ª feira saí com uma morena, 20 anos, corpo firme, carinha laroca, e na “hora H” murchei! Na 4ª feira foi com uma ruiva, murchei! Na 5ª feira com uma cota enxuta, tudo em baixo…

O amigo, confuso, diz:
- Epá, tudo bem, murchar faz parte, acontece a qualquer um. Mas porquê mijar sentado?

Responde o homem:
- Então tu achas que, depois disto tudo, ainda vou dar a mão a este traidor?!

Comentário elevado a post #17 - Vieira e Jesus vieram ao blogue

A respeito do artigo sobre o desabafo a Jorge Jesus, deixaram hoje o seguinte comentário:

"Este texto só pode ter sido escrito por um adepto do Porto ou do Sporting.
Para que serve alguém que se diz benfiquista e depois, pensa, age e escreve como um portista ou como um sportinguista.
Agora entende-se melhor porque o Pinto da Costa como dizer, " nem precisamos de nos chatear muito, ELES matam-se entre eles...eles traem-se uns aos outros". Querem melhor exemplo da razão de PC quando se lê este texto.
O Porto e o Sporting são nossos adversários, mas os nossos inimigos estão perto de nós. Basta ler este texto.
Mais, quem escreveu este texto para além de se notar que nada sabe do que é o futebol, não sabe escrever português. E se quis ser engraçado, este tipo de humor sobre o Benfica, eu dispenso bem.
O Benfica e os seus adeptos genuínos têm que continuar a matar estes vírus que circulam perto de nós e que apenas sabem viver dizendo mal de tudo e todos.
Se os nossos adversários nos querem mal e ainda temos estes inimigos, falsos benfiquistas, a dizer mal do nosso treinador. Sim, porque é o nosso treinador. Ou a burrice é tão grande que quem escreveu este texto ainda terá a estupidez de pensar que escreveu sobre o treinador de outro clube? Não vá tão longe a palermice! Só faltava alguém dizer que o Jorge Jesus " não é o meu treinador". Pois não é do Benfica!
Sugiro a todos os benfiquistas puros, genuínos, autênticos, que tentem por todos os meios acabar com todos aqueles que USAM o nome do Benfica para serem notados publicamente. Pois caso contrario, nem na sua rua saberiam quem são.
Abaixo não os infiltrados do Porto e Sporting!"

Assinou como "João Francisco", mas pelo discurso, claramente se pode ver que foi Luís Filipe Vieira ou o próprio Jorge Jesus. 
Entretanto vou voltar à escola, visto não saber escrever português. 

Se for preciso, dispenso o banco e os seus cartões

Bem visto. Mas alugar um cofre ainda deve sair mais caro. Mais vale investir num depósito a prazo no Simão Escuta (montante mínimo €10, sem possibilidade de movimentação do capital até 2124 e com 0,0% de juros. Para mais informações, consultar o Autor).
Deixo então um interessante artigo escrito por Daniel Oliveira,  no Expresso. 


"Não tenho nenhuma conta a prazo. Não tenho aplicações financeiras. Tenho duas contas à ordem. E ponto. Não entrego o meu dinheiro a nenhum banco para que ele jogue com ele, o invista ou o aplique em qualquer produto. Porquê? Porque não confio em bancos e porque o dinheiro que recebo pelo meu trabalho chega-me. Em resumo, sou, nestas matérias, doutros tempos. E um ser estranho para a cabeça de qualquer gestor de conta. Para além de usar o banco como mero veículo para receber o meu dinheiro, ou para o guardar, tenho crédito à habitação, pelo qual pago os devidos juros e restantes custos. E acaba aí a minha relação com a banca.

Mas a verdade é que tenho contas à ordem. O que significa que deposito o meu dinheiro num banco. Está lá, o que dá jeito ao meu banco, e eu não recebo qualquer dividendo por isso. Na realidade, até pago comissões e despesas de manutenção de conta - e tenho reparado que ela está impecável, bem tratada, limpinha e bem cheirosa, imaginando que os funcionários que tratam da sua manutenção emprestam bastante empenho a essa função. Assim como pago sempre qualquer coisa por qualquer coisa que faça. Na realidade, não conheço nenhum sector que se faça pagar por tanta coisa, mesmo quando não percebemos bem que serviço nos prestaram nesse preciso momento. Tenho também um cartão de débito e um de crédito. O de crédito uso apenas para compras que tenho de fazer na Net e, quando não há outra hipótese, para usar no estrangeiro. Como o dinheiro me é, para todos os efeitos, emprestado, acho bem que me cobrem por isso. O de débito é a forma de ter acesso ao meu dinheiro. Repito: ao meu dinheiro. Esse não é o banco que me empresta. Quando muito é o contrário.

Os bancos já têm lucro com os nossos cartões multibanco sem que nós lhes paguemos nada. Através das taxas que cobram ao comércio e que, por serem demasiado altas, começam a pôr em causa a vantagem de aceitar este meio de pagamento. E só o facto de nós usarmos o multibanco em vez de irmos aos balcões já permite aos bancos poupar 300 milhões de euros por ano. Mas como pode vir aí legislação europeia que fixa um limite máximo para os bancos cobrarem comissões à atividade do retalho, querem transferir esse custo para os clientes e cobrar uma taxa por nós fazermos os levantamentos em multibanco em vez de lhes enchermos as dependências de filas e os obrigarmos a contratar mais funcionários. Se não for possível, porque a lei não deixa, querem aumentar a anuidade dos cartões. Ou seja, poupam com a existência destes cartões, cobram ao comércio e ainda nos querem cobrar a nós. É ganhar a triplicar.

Eu não sou tipo para se zangar. Por isso, se tal acontecer, não protestarei. Pretendo apenas mudar a relação com o meu banco. Infelizmente não o posso dispensar totalmente, porque aqueles que me pagam não parecem ter grande vontade de regressar ao dinheiro vivo. Mas passarei a levantar todo o meu dinheirinho, duma só vez, de cada vez que o receber, na minha dependência, metê-lo num cofre e passar a andar com notas. Posso, claro, ser assaltado. Mas pelo menos não sou assaltado por bancos, mas por quem tenha algumas necessidades. Se uma quantidade razoável de pessoas começar a ter esta relação com os bancos talvez eles comecem a perceber que, ao ficarem com o nosso dinheiro, sem nos darem nada em troca, e ao trocarem funcionários por máquinas, já estão a fazer um excelente negócio connosco. Talvez não seja boa ideia tratarem a coisa como se fosse um favor que nos fazem a nós. É que, coisa que hoje parece absurda para muita gente, o nosso dinheiro existe sem os bancos comerciais. Já me parece mais difícil os bancos comerciais existirem sem o nosso dinheiro."

Novidade: o tasco vai passar a entregar pizzas ao domicílio

E será desta forma:


Já testámos na casa do Autor e correu às mil "maravilhas". Agora... a contratação desta peça chave está obviamente dependente do vosso clique ali na publicidade. 

(Atenção: temos notado um decréscimo intensivo nos cli... na pu... Este projecto só existe se clicarem lá, pelo menos, 24 vezes por dia. Fica o reparo. E o facto de não termos publicidade, não é desculpa.)

As garotas e o camarão

Quando virem um milionário de 80 anos, rodeado de mulheres jovens e popozudas, antes de se questionarem se elas realmente gostam dele, pensem no que o Tio Alberto disse um dia:

"Gosto muito de camarão; quando vou a um restaurante e peço um prato desta iguaria, não pergunto se o camarão gosta de mim. Eu simplesmente como e depois pago."

Nota: o Autor repudia as declarações do Tio Alberto.

"Watkins pediu a fã para abusar da filha de dez anos"

'Tou a arrumar as minhas coisas, vou-me embora, pá

Rui Unas diz ao Governo (especialmente a Passos Coelho) como é que as coisas estão por aqui. E junta a isso a música do momento em Portugal (mas que já tem "bastante" tempo), "Não me Toca", do Anselmo Ralph. Se conhecerem o videoclip original, vão-se rir com a versão portuguesa!


"Teu despeito foi como vires ao cú a mim", diz Unas a Passos Coelho.


Jesus...chega aqui. Tenho uma carta aberta para ti

"A Liga dos Campeões não foi um fracasso porque continuamos nas competições europeias".

Oi? Não percebi. Importas-te de repetir?

Sabes Jorge, trato-te por tu porque tu tratas assim toda a gente. Essencialmente porque, desde sempre, me lembro de tratar treinadores e jogadores pelo primeiro nome, por achar que somos uma equipa (uma verdadeira, tens de ver os vários significados de equipa no dicionário), que eu vos ajudo da bancada (e do meu bolso) e vocês ajudam-me de volta (com honra, querer, crer, ambição, raça e outros adjectivos bonitos). Porque eu sei que, a médio/longo prazo, isso vai resultar em títulos (verifica também por favor esta palava no dicionário). Mas mesmo que não resulte, temos dignidade, orgulho, honestidade e consciência tranquila.

Mas sabes Jorge, tu não tens qualidade para isto. Porque qualidade não é só saber treinar (onde tu tens falhas, mas todos têm, não há ninguém perfeito), qualidade é também saber honrar a Instituição onde estás, saber estar, saber respeitar, saber qual é o nosso lugar, saber que o Clube está acima de tudo e todos.

Como não tens qualidade para estas andanças, e já o sabemos há muito tempo, já devias ter sido despedido. Mas estás agarrado ao lugar. E sabes porquê? Claro que sabes. É que deste vazio de títulos que tu és, o próximo passo é para desceres (muito) na carreira e na carteira. Quem tem dignidade e percebe que está a prejudicar o Clube, sai. Porque nem precisa do dinheiro. E sai. Porque quer o melhor para os outros. Mas tu Jorge, sempre achaste que estás acima de todos nós, que somos benfiquistas (e tu não), e do próprio Clube. E por isso Jorge, metes-me nojo. Nojo é uma palavra forte, mas é uma amostra daquilo com que brindas quem te rodeia. Por isso não leves muito a peito. É que nisto das emoções, quando sentimos que alguém anda a brincar connosco, vem uma certa vontade de mandar essa pessoa para certos e determinados sítios. Por isso até me estou a portar bem, não é?

Olha Jorge, sinceramente acho que estás a mais no meu Clube. Fizeste um bom primeiro ano e ficou por aí. E se te lembras, mesmo no primeiro ano, apesar do bom futebol em 70% dos jogos, só foste campeão na última jornada, devido à má gestão que fizeste. E nesse primeiro ano, com a qualidade que tínhamos, foi um ultraje não ganharmos a Liga Europa e sermos eliminados como fomos, devido às tuas invenções. Mas foi um primeiro ano excelente! Fiquei feliz contigo. Muito. Devolveste a competitividade ao Benfica. Até fizemos uma t-shirt do título com uma dedicatória especial para ti. 
Mas acabas por estar envolvido em momentos históricos de vergonha para o Clube. Estás ligado a mais um período de hegemonia azul e branco. E estás ligado ao constante fracasso na Liga dos Campeões (porque como já expliquei, disputar a Liga Europa é vergonhoso - e eu quero ganhá-la -, ainda para mais quando estamos inseridos em grupos extremamente acessíveis). 

Mas quando atingimos determinado nível e estagnamos (e regredimos), então temos de mudar. Não dás mais que isto. Não sabes. Falta-te carácter. Falta-te assumir os erros. Teres fair-play. Falta respeitares os 4 milhões que ganhas por ano, mesmo após todos os fracassos, mesmo após fazeres chantagem para ires para os corruptos, mesmo depois de te darem todas as condições e jogadores de nível mundial.
Estás num País que só tem 2 grandes clubes actualmente, e onde tu, ano após ano, dás tiros nos pés e acabas sempre em 2º. Somos melhores, mas na história isso não tem ficado marcado. Uma vez pode ser azar, agora duas...três...quatro...

És um treinador bom para vir de baixo, para aumentar o nível, para trazer exigência. O problema é que, quando chegas lá acima, não te aguentas. Não é o teu mundo. Apesar de seres teimoso (e isso custar-te fracassos), percebes muito disto, mas não chega. 

Outra coisa Jorge, tu potencias jogadores, não é? Tenho algumas dúvidas. É que nós temos rapazes mesmo muito bons. David Luiz, Ramires, Di María, Javi García e companhia já tinham qualidade. Difícil era que alguns deles não atingissem aquele nível. Mas dou de barato essa de potenciares jogadores. Até porque tu dizes que isso é tão importante para um clube como os títulos. E aí, eu calo-me. Quer dizer, podia explicar-te que os constantes fracassos internos, e em especial na Liga dos Campeões, custam milhões ao Clube. Mas tu é que sabes, e eu, bom... eu calo-me.

Não sei se leste tudo até aqui Jorge, ou se pediste ao Raúl José para te ler isto enquanto procuras jogadores no Brasileirão. Mas se ainda aí estás Jorge, ganha vergonha na cara. E não, o facto do nosso Presidente cometer erros atrás de erros não é desculpa para tu os poderes fazer com a mesma frequência dele. Ele, para o bem e para o mal, foi eleito. Tu és apenas um assalariado do Clube.

Porque razão deves ter vergonha na cara? Porque tens de assumir, duma vez por todas, o fracasso que foi esta prestação na Liga dos Campeões (não falando sequer na da época passada). Há muitos 83% por aí, mas entre uns e outros, há quem não seja burro. E por isso Jorge, depois do primeiro fracasso absolutamente brutal e vergonhoso desta época, convinha assumires a falha, entendes? 
Caso não te lembres, o objectivo era chegarmos à final (dito pelo Presidente). Não pedia tanto. Pedia apenas o mínimo obrigatório: passar este grupo miserável onde estávamos. 

A tua sorte, Jorge, é que hoje ganhámos (quando isto não passava dum jogo amigável) e o povo fica feliz com pouco. Porque "antes estávamos piores, e o Vale e Azevedo, e não sei quê". Justificações de gente com pouca ambição e pouca visão. E, já agora, pouca memória. É que o Benfica, por ter tido 10 anos negros, teve outros 100 de glória. E convém é compararmos com o Bom, não com o Mau.

Pois é... 
Eu, Jorge? Eu vou continuar a chorar e a sofrer nas vitórias e nas derrotas, desejando sempre voltar a ver o meu Clube no lugar que ele merece. E que tem, desde há muitos anos, todas as condições para isso. Se vocês quisessem.

Posto isto, exijo o campeonato nacional no fim desta época. E que saias na mesma. É que não tolero ouvir-te falar em nome do meu querido Clube. Vocês não são compatíveis, entendes? E eu não admito ter alguém que, quando ganha, ganha sozinho (e porque tirou aquele e colocou o outro, e porque sabia que a bola ia bater no poste, e porque sabia e acontecia) e que, quando perde, perde em equipa (e sempre por motivos que nada estão relacionados consigo mesmo).

Sou mais novo que tu Jorge, mas permite-me que te ensine uma coisa: só nos fica bem assumir os nossos erros. Isso faz-nos mais fortes: para nós próprios e para quem olha para nós. Se o fizesses, terias o meu maior respeito, seria incapaz de te escrever uma carta desagradável como esta. Agora assim ...

Em relação ao teu sonho de marcares presença na final da Liga dos Campeões, fala com o teu amigo Vieira, deve arranjar-te bilhete.


Eu sou do Benfica, Jorge. Tu? Tu és só ridículo.

Apple: nova esperança para a humanidade?

Segundo a prestigiada Forbes, a Microsoft irá ultrapassar a Apple no mercado dos dispositivos móveis. Isto em 3 anos. Ou seja, em teoria, dentro de 3 anos, a Apple passará para o fundo do pelotão, que ficará assim ordenado: Google - Microsoft - Apple.

Postas as coisas desta forma, sinto novamente esperança na humanidade. Até me lembrar de Luís Filipe Vieira e Jorge Jesus. Adiante.

É verdade que a Apple se dedicou a consumidores de luxo, e nesse campo, tem uma excelente quota de mercado. Mas tal como os benfiquistas (olha, outra vez) começam agora a abrir os olhos, também os utilizadores de tecnologias começam a perceber que podem ter telemóveis bons a preços mais reduzidos. Ou telemóveis melhores ao mesmo preço da Apple.

Sem dúvida que, para o utilizador que não tem nenhuma expectativa especial, a Apple tem o melhor sistema operativo. Para o bem e para o mal, não dá problemas. Também porque não tem abertura para desenvolvimentos. É estanque. E por aquilo que me apercebo, para 95% dos utilizadores, chega perfeitamente. Ou seja, OK, parabéns, sejam felizes...mas a Apple não vale o que pede pelos equipamentos! Eu tinha que alertar-vos...

A Google ganhou o mercado porque tem um sistema que dá para tudo e mais um par de botas. Porque é quase universal, praticamente todas as marcas utilizam. Ou seja, é um sistema à distância de praticamente qualquer bolso, desde telemóveis de € 50 até ao infitinos mais 24.
Mas também é um sistema mais propenso a falhas. Tem é um leque bastante maior de funcionalidades e possibilidades de crescimento. E tem a desvantagem de não fazer um sistema operativo por cada telemóvel/tablet que sai no mercado (como a Apple faz), ou seja, milhares de dispositivos têm que se adaptar a ele.

A Microsoft está a crescer. E a compra da Nokia (excelente agora unicamente em hardware e design) traz-lhe ainda mais vantagens. Precisa de tempo, mas pode-se tornar um caso sério, até porque tem em vista um plano maquievélico de controlar o mundo, só com um sistema único para computadores, telemóveis e tablets, o que é uma mais valia para o utilizador que passa a ter sempre o mesmo ambiente gráfico onde quer que esteja.

E vocês, acham que a Microsoft vai mesmo passar a Apple?


(o Autor implica com a Apple porque acredita num mundo melhor, livre e sem guerras nem fome. Mas às vezes dá por si a pensar se seria feliz com um iPhone. Só que felizmente, nesse mesmo momento, abre a braguilha das calças, vê o seu menir e compreende que é um Homem. E usa Android.)

E se eu fosse queniano?

Podia ser pior...

Fui para o duche. Ensaboado da cabeça aos pés, cortam a água. Primeiro pensamento: podia ser pior. Podia sair do duche ensaboado e perceber que tenho Vieira como Presidente e Jesus como treinador. Ah, espera...

Piada Farsola #59 - Cérebros ao quilo (Haja Fair-Play)

Um canibal vai ao mercado para comprar um cérebro para o almoço. Nisto vê um vendedor a fazer grande propaganda à qualidade dos cérebros dos adeptos de futebol que tem em oferta.
O canibal pergunta ao homem do mercado:

- Quanto é que custa o cérebro de um bracarense?
- Trinta euros o quilo.
- Humm! E tem de sportinguista?
- Sim. Oitenta euros o quilo, é da melhor qualidade.
- E de portista?
- Também tenho, mas pouco. Produto raro, cem euros o quilo e demora mais para fritar.
- E de benfiquista?
- Também há. Quatrocentos euros o quilo.
- O quê? Mas benfiquista é o que mais há por aí, diz-se que são mais de seis milhões… Como pode ser tão caro? – Pergunta o canibal, perplexo.
- Você por acaso faz ideia da quantidade de benfiquistas que são precisos para se conseguir um quilo de cérebro?

Saltou a t(r)ampa

Como é que eu digo isto de forma educada? Na puta que pariu esta gente toda. Para o caralho que vos foda, que isto não é o Benfica.

12 anos de Vieira = 2 campeonatos (e 1 taça)

Estamos em primeiro, porque à volta está tudo uma valente merda (e só por isso), e não conseguem ter motivação para vencer este jogo? Em casa contra um clube que não vale uma perna do Cortez?! 

Este clube está nas ruas da amargura. Não está ainda mais porque, até hoje, os viscondes nem contavam para o Totobola. Eternos segundos somos nós. Puta que pariu para justificações de arbitragens. Joguem à bola! 

Como é que, DEPOIS DE TUDO, esta equipa técnica não vai para a rua?! Como? O que mais precisa acontecer? Agosto, Setembro, Outubro, Novembro, Dezembro. São 5 meses absolutamente deprimentes, vergonhosos, onde as vitórias caem do céu. E hoje queriam mais uma?! Puta que pariu, devem achar que o Euromilhões sai todos os jogos.

Até pode acabar a época e sermos campeões. Isto não deixa de ser absolutamente vergonhoso. E mais, e a Liga dos Campeões?! Mas não há revolta? Mas admite-se que vamos novamente de vela? Mas esta merda admite-se, num dos piores grupos de sempre? Constantemente? Jesus passou UMA vez dos grupos! E puta que pariu a Liga Europa, que tanto me fez chorar de alegria no dia em que chegámos à final e no dia em que, na Holanda, chorei copiosamente por perder a final. Era um sonho ver-nos numa grande final europeia. E foi. Mas foda-se, a Liga Europa não tem expressão nenhuma! Acordem! Vergonha foi não termos ganho a da época do título, por causa das invenções do catedrático Jesus!

Isto não é o Benfica. Isto é o benfiquinha, o benfiquinha dos 83% que acham isto tudo normal. Que levam com areia nos olhos e gostam. Foda-se! 

Esta merda já quase parece a época do Bonito, o Quique. Já não falta tudo para jogarmos pior que isso.

Jesus, obrigadinho, pá. Mas já chega. Já chega há muito tempo. A equipa está partida há muito tempo. 
Raúl José, para fazeres o que tu fazes, até uma banana faz. Só mesmo um gajo destes para aceitar ser adjunto deste treinador.

Vieira, obrigado, pá. Queres ficar aí? Então cria uma estrutura que proteja o clube. Um treinador a sério, um HOMEM, com um adjunto com mão-de-ferro, com um responsável pelo futebol que blinda a equipa de tudo. E que a protege de si própria e de egos como o de Jesus.

ESTA MERDA NÃO É UMA EMPRESA DE CONSTRUÇÃO! Este Clube é maior que vocês todos, maior que eu, é um Clube com outros valores, um Clube ganhador! Onde é que estão as Taças, caralho?! 

Piada Farsola #58 - Com quantos já dormiste?

Ele: Diz-me, amor... com quantos homens dormiste até me conheceres?
A jovem escuta e fica calada.
Ele: Diz-me, amor. Com quantos homens dormiste até me conheceres?
A jovem continua muda e o namorado insiste:
Ele: Diz lá amor. Com quantos homens dormiste até me conheceres?
Ela: (Impaciente.) Porra! Tem calma que ainda estou a contar!

Sobre ter um cão

"Quem é que vai tomar conta dele? Tu? (...) Filho, ainda ontem entraste aqui em casa com merda nas mãos... Merda humana... Não sei como é que isso aconteceu, mas quando alguém tem merda nas mãos, parto do princípio de que a responsabilidade talvez não seja uma coisa que essa pessoa domine."

Aquele dia em que o Coronel pergunta como é que me parti todo de mota

E me envia o seguinte e-mail:

Terá sido qualquer coisa como esta que provocou o teu acidente?


Um Mandela por cada Partido Político

Pois, por esta altura já devem estar todos com uma overdose de Mandela, mas tem de ser.

Era miúdo quando Nelson Mandela foi libertado, por isso só mais tarde tive noção das coisas. Fiquei com uma boa ideia do que se tinha passado e do que ele tinha feito. Grande homem.
Mas ontem, atendendo às notícias que infelizmente já se esperavam há meses, resolvi ler um pouco mais. Em 30 minutos é possível ir mais além. E ele merece.

De qualquer forma, o novo filme, Mandela - Long walk to freedom, pode ser uma boa oportunidade para perceber melhor a dimensão do que sucedeu durante o Apartheid e de como Mandela lutou, até onde pôde, sem armas.

Existiram outros "Mandela" durante a História. Existem ainda hoje. Uns mais pequenos que outros. Uns com mais visibilidade que outros. Uns mais importantes que outros. Uns mais brancos que outros. Uns mais pretos que outros. Mandela, o verdadeiro, maior, é eterno. Resta esperar que, um dia, todos os "Mandela" desta vida possam dedicar mais da sua vida a...si mesmos. Seria sinal que o mundo era mesmo um lugar melhor. 

Piada Farsola #57 - Crise masculina

Quando completei 25 anos de casado, introspectivo, olhei para a minha mulher e disse:

"Querida, há 25 anos nós tínhamos um Carocha, um apartamento a cair aos bocados, dormíamos num sofá-cama e víamos televisão a preto e branco, num ecrã de 14 polegadas. Mas, todas as noites, eu dormia com uma mulher de 25 anos.
Agora nós temos uma mansão, dois Mercedes, uma cama Super King Size e um plasma de 50 polegadas, mas eu durmo com uma  senhora de 50 anos. Parece-me que és a única que não está a evoluir..."

A minha mulher, que é muito sensata, disse-me então, sem sequer levantar os olhos do que estava a fazer:

"Sem problemas. Sai de casa e encontra uma mulher de 25 anos de idade que queira ficar contigo. E se isso acontecer, com o maior prazer eu farei com que tu consigas viver,  novamente, num  apartamento a cair aos bocados, voltes a dormir num sofá-cama e a conduzir um carocha."

Sabem que fiquei curado da minha crise de meia-idade?! É verdade. Estas mulheres maduras são realmente o máximo. Mas para terminar, ainda lhe perguntei:

"Querida, responde-me, onde está aquela mulher linda e sexy com quem eu me casei?"

A minha mulher respondeu-me, novamente sem levantar os olhos do que estava a fazer:

"Comeste-a. Olha bem para o tamanho da tua barriga."

Gordo, isto também é futebol

Para ouvir com som, são apenas 14 segundos de pura alegria. Arrepiante.


Coreia do Norte e Portugal: tanto em comum



A campanha mais chocante de sempre

Vejam o que esta loira gostozuda e popozuda tem para vos mostrar:


Pois é. Arrepia. Mas é uma campanha muito bem feita. É chocante (ou só mais ou menos), cómica e importante: passa uma mensagem para todos os detentores de testículos, bem como às donas deles. Apalpem-mos! Aliás, apalpem-nos!

O meu grande amigo Leo já sofreu com isto. Ultrapassou (e ultrapassámos) o cancro e hoje tem-nos quase tão rijos quanto os meus.

Um abraço também ao meu enviado especial para assuntos de baixaria, que às vezes se confundem com saúde. Um homem que vou manter no anonimato e que um dia disse que entalava os seus testículos num portão de ferro se o seu primeiro filho não nascesse homem. Teve duas filhas. Hoje é visconde. 

Quanto custa um Presidente da República?

"As reformas de 3 ex-Presidentes da REPÚBLICA
A pergunta que se põe perante estes dados é: porquê a diferença? Não consigo entender porque razão um deles (decente) ganha quase 8 vezes menos que os outros que, se também fossem decentes, não aceitariam esta incompreensível discrepância.

Quanto custa, aos Portugueses, a reforma de 3 ex-Presidentes da República? Um milhão de euros por ano, repartidos assim:

General Ramalho Eanes  € 65.000
Mário "El Sacador" Soares  € 500.000 (fora a Fundação)
Jorge “El Oportunista” Sampaio  € 435.000

Isto fora os carros, condutores, gasolina, manutenção das viaturas, seguros e proteção policial.

Se o General pode viver com € 65.000 por ano, estes civis que se dizem socialistas, também."


Enviado para o email do tasco. 

É muita fruta. 
Não percebo muito da poda, mas a "culpa" não será propriamente (só) deles. É de todos os que permitem leis e regras que beneficiam sempre os mesmos, quando muitos "cá fora" passam dificuldades reais.

Respect Zé Povinho.

PS: aproveito para anunciar que me vou candidatar à Presidência. Primeira medida: alcatifar as ruas com calçada, para a leitora caminhar com mais confiança, sem ficar com o salto preso. Segunda medida: uma patinadora sueca para cada português. Terceira medida: agora não me lembro, mas depois fazemos o plano completo.


Piada Farsola #56 - Definição de Sexo, Super Sexo e Amor

Uma mulher mais velha, no auge da sabedoria, explicava a uma bem mais nova o que era o Sexo, o Super Sexo e o Amor.

- Sexo é quando um homem te dá 5000 € por mês, leva-te a um restaurante francês e depois leva-te para a cama.
- Super sexo é quando um homem te dá 10.000 € por mês, leva-te a um restaurante francês em Paris e depois leva-te para a cama.

- E Amor, e o Amor? - pergunta com entusiasmo a mais nova.

Responde a mais velha:
- Amor é uma palermice que os pobres inventaram para te conseguirem comer de graça.

O dia em que me envolvi com Justin Bieber

Escrevo-vos duma clínica de desintoxicação para pessoas que conviveram, dalguma forma, com anormais. E não estou a falar do Anónimo.

Tenho uma prima bem mais nova que, vá-se lá saber porquê, gosta do Justin Bieber. Quero compreender este fenómeno, mas custa-me. E custa-me ainda mais que a praga ataque a minha família. 
Quando era miúdo, as raparigas veneravam o Bon Jovi e mais um ou outro. Mas aquilo não era tão escandaloso. Não as via chorarem. Não sabia que o Bon Jovi pintava paredes de hotéis só porque sim. Se calhar ele até pintava, mas a globalização não existia desta forma.

Seja como for, detesto anormais. E putos anormais são a escória da sociedade. Porque depois vão ser homens anormais. Com dinheiro. O que piora a coisa.

Acabei por, contra os meus princípios, e após várias tentativas, conseguir comprar um bilhete de cinema para qualquer coisa sobre esse esterco, para dia 25 de Dezembro à tarde, com oferta duma t-shirt (uau!) e não sei quê.

Daqui por uns anos, e que não sejam assim tantos, espero que a minha prima, consciente e envergonhada, me coloque num pedestal por eu ter feito o que fiz.

Agora com licença, tenho de levar uma injecção aqui na clínica. 

Estou a aceitar pedidos de casamento

Se alguma das leitoras conseguir fazer isto:


Se alguma das leitoras for membro desta equipa de elite:


Então deverão enviar a candidatura para o Autor.
Obrigado.

Apanhámos a última escuta do Papa-Pitas

Papa-Pitas (P): "'tôe, olha é para irem lá apertar connosco à chegada do Autocarro."
Sujeito (S): "O costume, Presidente?"
P: "Sim, ninguém se aleija. É só para o Cocas borrar a cueca. Vão ter uns 30 segundos para nos atirarem umas coisas, bater no autocarro, ameaçar. Depois a polícia separa-vos."
S: "E já tratou de tudo com a comunicação social ou quer que dê um jeitinho?"
P: "Já está tratado. Aparecem só umas notícias de fugida, que eles sabem quem lhes paga o ordenado..."
S: "Ehehe, quando é com os lampiões, enfardam logo nos cornos e fazem-se capas de jornais!"
P: "Não me faças cócegas no ego... Mas olha, este ano está difícil. Nem a roubar... O Benfica joga abaixo de mal, tenho lá os meus amigos, o Carraça já veio dizer umas verdades para proteger o Luís quando quiser despachar o Jorge... mas nem isto chega, eles podem passar-nos! Por falar nisso, quando desligarmos tenho de fazer outra chamada..."
S: "Já agora Presidente, como está de saúde?"
P: "Não está fácil, estou proibido de tomar o comprimido azul, agora é o Mangala quem trata da Nandinha."
S: "E aquilo das escutas, podemos falar à vontade?"
P: "Claro! Neste País é assim. Se um dia mudar e eu for julgado, já estou no Brasil a beber água de côco! Opá agora cala-te que tenho que largar uma bufa."
S: "Genial Presidente, genial."

Qualquer semelhança com a realidade, é pura coincidência. O Autor não se revê nesta situação ultrajante, apenas publicou um email anónimo que lhe chegou.