Existe esperança

Caros leitores, é com enorme emoção que avançamos, em primeira-mão (ou seja, como sempre), que os jovens estão a deixar de ir ao Facebook.

O último estudo revela números curiosos, segundo os quais os adolescentes estão a largar a maior rede social de todas, depois do próprio do Simão Escuta. Isto no espaço de 6 meses.
Parece-me uma amostragem demasiada curta. Isto é mais ou menos como fazer uma sondagem eleitoral, mas à porta de um partido.

Acho graça é o estudo não admitir que são os nossos apelos que estão a acabar com o Facebook.



Seja como for, assim que o Facebook fechar, este blogue vai renascer. 

2 comentários:

  1. Já devia ter sido, que ali não se aprende nada. Bem, mas eu sou mesmo anti-Facebook, para mim claro, não julgo ninguém por ter. Nem tenho que. Mas eu tive uma vez há muuuitos anos e fechei a conta dali por umas semanitas. Nunca mais lá pus os pés. E é tão bom.

    ResponderEliminar