Furo jornalístico: Presidente do Real Madrid convoca conferência para dispensar Cristiano Ronaldo

Florentino Pérez, presidente do mais ou menos Real Madrid, marcou conferência de imprensa para as 19 horas de hoje para anunciar a dispensa de Cristiano Ronaldo.
Numa medida surpreendente só para alguns, O Azeiteiro vai ser dispensado, mas neste caso já tem clube. Florentino, Jorge Mendes e Luís Filipe Vieira estiveram reunidos nas últimas horas e decidiram colocar o Linic no Sporting Lisbon, com o Real Madrid a assegurar o pagamento do ordenado.

É um golpe de génio do Presidente Vieira, que através dos seus conhecimentos no mundo do futebol, consegue finalmente que Slimani páre de marcar golos. Com o novo cepo do Alvalidl a chegar à equipa, ou lhe metem a bola para encostar, ou as vitórias vão escassear.

#prayforbenfica

18 comentários:

  1. olha que o azeite esta[ azeiteiros a muitos neste pais basta olhar pro lado e ver ] caro portanto vareja pouco pois vai cair muita azeitona ao chão e pufff.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. http://simaoescuta.blogspot.pt/2015/09/empreendedorismo.html

      Eliminar
  2. Bom, bom, era voltares com a rubrica dos "bombons"... Para quando, amigo POC?
    ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom saber que ficou na memória. Antes disso, temos de reabilitar o tasco. Baby steps :)

      Eliminar
    2. O tasco está como o Benfica.... ;)

      Eliminar
  3. O tasco está, de facto, um bocadinho como o Benfica...

    A questão é: se o POC ainda é um mestre da táctica, quem é o Rui Derrota que anda a desmantelar a nota artística?

    ResponderEliminar
  4. Seja ele quem for, faço votos para que não esteja a comer o POC de cebolada.

    Para que o POC, sendo bom, não seja bombom.

    Para que não deixe o tasco estragar-se, como um iogurte fora de prazo.

    ResponderEliminar
  5. É que, se manter um tasco fosse fácil, não era para o POC.

    Adivinhem para quem era.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito bom. Ainda temos benfiquistas a sério. Mas não somos assim tanto, infelizmente.

      Existe material para continuar o tasco, especialmente a título futebolístico. O Autor está a negociar contratos de 400 milhões para tomar decisões.

      Eliminar
    2. É verdade - da minha amostra limitada da blogosfera, contam-se pelos dedos de umas quatro mãos os benfiquistas que não escolheram o modelo avestruz...

      Boa sorte para as negociações. Caso sejas bem sucedido, podias usar uma parte da verba para indemnizar o Rui Derrota e contratar um treinador. Fica a sugestão.

      Eliminar
    3. Hoje ainda ganhamos (faltam 10), mais uma vez, sem saber jogar. E o senhor Rui é o maior.

      Eliminar
    4. Pois...não acredito que os rasgos individuais e a sorte se mantenham consistentemente até ao fim do campeonato...

      Eliminar
    5. É triste quando o desporto rei em Portugal tem TÃO pouca gente a perceber minimamente o jogo. E não estou aqui a dizer que somos entendidos, que não somos.
      Precisamos de recuperar Luisão, Semedo, Salvio e esperar que os astros se alinhem. E mesmo isso só deve dar para o 2º lugar, já em modo milagre. Dentro de campo, actualmente, valemos zero.
      Como disseste: rasgos individuais e... fé. Que agora somos um clube de fé.

      Eliminar
    6. Exacto. Fé no 'milagre da multiplicação dos cruzamentos', como lhe chamou o grande Artur Semedo (Paradigma Rui Vitória)...

      Eliminar
  6. Olha estamos no topo
    A fé é que nos salva.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eheheh olhe que não, olhe que não...

      Não sei o que é que o nosso bombom fez na pausa natalícia, mas o que é facto é que 2016 trouxe um novo futebol ao Benfica.

      O timoneiro percebeu finalmente que não há balizas nas linhas laterais...levantou a proibição do jogo interior, pôs o 8 à frente do 6 em vez de lado a lado, o Pizzi como 'falso extremo' e o Mitrogolo ao lado do Jonas. Agora temos a equipa muito mais junta, quem tem bola tem mais linhas de passe disponíveis, vamos às alas depois de atrair adversários no jogo interior...

      Depois realmente pressionamos mais alto e reagimos melhor à perda da bola, portanto a transição defensiva também melhorou muito.
      Acho que a organização defensiva ainda tem muito que melhorar, ao contrário dos outros momentos do jogo.

      Mas não esqueçamos que, mesmo quando não jogávamos nada, ganhávamos os jogos pequenos - à excepção de Arouca. E os jogos grandes da segunda volta são no próximo mês...até lá, da minha parte só há menos pessimismo - ok muito menos ;)

      Se ganharmos aos frutistas e aos comediantes involuntários do Lumiar, aí sim, dou a mão à palmatória de muito bom grado! Carrega Benfica!

      Eliminar
    2. Não ganhámos aos frutistas, mas ganhámos aos comediantes involuntários do Lumiar. É ganhar ao Boavista e aos outros 7 para compensar. E um tipo desculpa o início de época...

      Eliminar